“Rosana Paulino: a costura da memória” se despede do MAR no dia 29 de setembro

De Instituto Odeon em 18 de setembro de 2019


A mostra individual da artista paulistana conta com 140 obras produzidas ao longo dos seus 25 anos de carreira.

A exposição “Rosana Paulino: a costura da memória” chega em sua reta final este mês, com encerramento marcado para o dia 29 de setembro. A mostra individual da artista paulistana conta com 140 obras produzidas ao longo dos seus 25 anos de carreira. Entre os trabalhos estão esculturas, instalações, gravuras, desenhos e outros suportes que evidenciam a busca da artista no enfrentamento com questões sociais, destacando o lugar da mulher negra na sociedade brasileira.

As peças selecionadas, realizados entre 1993 e 2018, mostram que sua produção tem abordado situações decorrentes do racismo e dos estigmas deixados pela escravidão que circundam a condição da mulher negra, bem como os diversos tipos de violência sofridos por esta população.

Encerramento:  29 de setembro de 2019.

Horário de funcionamento: terça-feira, das 10h às 19h (entrada gratuita); quarta-feira a domingo, das 10h às 17h (R$20 inteira e R$10 meia).

Saiba mais!